terça-feira, julho 26, 2005

Água

Numa altura em que o País está perante uma grave situação de seca, um município encontrou a forma ideal para combater o desperdício de água: privatizou-a.

As primeiras medidas da “nova” empresa privada foram:
  • aumentar o preços a TODOS os escalões de água consumida;
  • cobrar uma nova taxa de saneamento;
  • cobrar uma nova taxa de conservação e tratamento da água;
  • fechar todos os fontanários municípais;
  • cobrar também o consumo de água a habitações ou estabelecimentos comerciais mesmo que estas não tenham contados de água.


Ora, se esta não é uma grande medida para se conservar água então não sei qual será. Só espero que outros municípos adoptem este sistema, para bem de Portugal!

4 comentários:

JCMartins disse...

Estás-te a passar ou quê????

preto disse...

só se revelasse qual era a camara :)

Anónimo disse...

Mais cedo ou mais tarde, isto será uma realidade não só num município mas sim em todos os municípios!!!O aumento do preço da àgua é inevitável. É um recurso que se está a tornar cada vez mais escasso quer pelo desperdicio quer pelo aumento e desenvolvimento da população.
A privatização dos recursos escassos é a melhor forma de os conservar e até aumentar.

Pedro Machado

Anónimo disse...

http://www.publico.clix.pt/shownews.asp?id=1226932&idCanal=59